Cuba amplia acesso à internet

Cuba amplia acesso à internet

Um decreto publicado no diário oficial do governo de Cuba nesta terça-feira afirma que os cubanos terão acesso mais amplo à internet a partir de 4 de junho, através de 118 pontos em todo o país. Mas o que poderia ser uma excelente notícia para a população, não passa de propaganda da ditadura dos irmãos Castro. O acesso à internet ainda será muito caro para a maioria dos cubanos, o equivalente a 4,50 dólares por hora num país onde os salários médios mensais são de 20 dólares.

Segundo o governo, a internet seria disponibilizada nos escritórios da Etecsa, o monopólio estatal de telecomunicações, e em outros lugares ainda não especificados. Porém, o novo decreto deixa claro que o acesso será acompanhado de perto pelos governantes da ilha, advertindo os usuários de que não poderão usar a internet ​​para “pôr em perigo ou prejudicar a segurança pública, ou a integridade e a soberania da nação”.

Atualmente, o acesso à internet em Cuba está disponível apenas para algumas instituições e profissionais selecionados, além de hotéis de luxo que recebem turistas. O governo afirma que 2,6 milhões de cubanos, de uma população de 11,2 milhões, têm acesso à internet, mas até agora a maioria só conseguiu explorar uma “intranet” limitada e controlada pelo estado com uma lista de sites aprovados.

Na prática, pouca coisa deve mudar com o novo decreto, mas o blogueiro pró-governo Yohandry Fontana, vê um cenário otimista – e irrealista – para o futuro na ilha. “Talvez demore um pouco, mas o próximo passo é a conexão dos cubanos em suas casas”, escreveu em sua página no Twitter. A blogueira Yoani Sánchez teve uma reação diferente. Também na rede social, ela reclamou do alto preço da conexão e chamou de “migalha” o que o governo ofereceu.
Em 2011, Cuba foi conectada a um cabo de fibra óptica da aliada Venezuela – que mantém ajuda financeira e logística à ilha em troca de apoio político. O governo cubano vem testando a nova conexão nos últimos meses, mas ainda não a colocou em uso de grande escala. Antes disso, o acesso à internet na ilha era feito através de um link mais lento e caro por satélite.     Fonte
INFORMAÇÕES SOBRE CUBA
AGÊNCIAS DE VIAGEM NO BRASIL
Livro mostra Che Guevara como um homem fanático, sanguinário e
Hugo Chávez lidava com espião – Conheça – sites no brasil
Novas imagens de Fidel com o presidente Hugo Chávez

Comente este artigo :

Tags: , , ,