Acidente de Schumacher foi registrado por uma câmera em seu capacete

A esposa do ex-campeão alemão da Fórmula 1 Michael Schumacher pediu para que a imprensa deixe os médicos e sua família em paz, enquanto as investigações sobre as circunstâncias do acidente de esqui pode progredir graças a imagens registradas por uma câmera em seu capacete.

Falando pela primeira vez desdo o acidente, que aconteceu em 29 de dezembro na estação de esqui de Méribel, nos Alpes franceses, Corinna Schumacher lançou um apelo aos jornalistas que, desde a semana passada, aglomeram-se em frente ao hospital de Grenoble, onde o maior campeão da história da F1 está internado em coma.

“É importante para mim que não incomodem os médicos e o hospital para que possam trabalhar em paz (…) Por favor, deixem nossa família em paz”, escreveu Corinna Schumacher, em uma declaração enviada aos meios de comunicação.

“Confiem, por favor, nas declarações dos médicos e deixem a clínica”, insistiu. “Por favor, demonstrem seu apoio a nós em nosso combate comum por Michael”.

Em um comunicado publicado nesta terça, a Associação de Jornalistas Alemãos (DJV) também pediu “respeito ante o sofrimento das vítimas e os sentimentos dos parentes”.

Segunda-feira, o hospital de Grenoble e a porta-voz da família, Sabine Kehm, já haviam pedido aos jornalistas para que “respeitassem o sigilo médico” e para que se atenham “às informações fornecidas pela equipe médica responsável”, excluindo novas coletivas de imprensa.

Apenas uma dúzia de jornalistas permanecia nesta manhã em frente ao hospital, e à tarde, cerca de 11 veículos da imprensa e quinze jornalistas e técnicos continuavam a trabalhar no local.
Imagens do acidente

Segunda-feira, os médicos de Michael Schumacher, vítima de um grave traumatismo craniano, indicou que seu estado de saúde ainda é crítico, mas estável. Mas segundo uma pessoa próxima ao atleta, houve “uma pequena melhora”.

O piloto bateu com a cabeça em uma pedra ao cair entre duas pistas. Ele está internado no hospital CHU de Grenoble.

De acordo com uma fonte ligada ao caso, o acidente foi filmado por uma câmera fixada em seu capacete.
Esta câmera GoPro, cuja existência foi revelada sexta-feira, cinco dias após o acidente, foi entregue às autoridades pela família do piloto alemão.

Ela estaria funcionando e suas imagens são claras.
“É um documento importante”, declarou a fonte, sem indicar, no entanto, se as imagens poderiam ajudar a esclarecer as circunstâncias da queda.

Os investigadores querem determinar a velocidade do piloto alemão no momento do acidente. Segundo os médicos, o choque que ele recebeu na cabeça acontece “em alta cinética”, mas segundo Sabine Kem, Schumacher acabara de ajudar um amigo e esquiava devagar.

A promotoria e os agentes franceses que investigam o acidente anunciaram uma coletiva de imprensa para quarta-feira no palácio de justiça de Albertville.    Fuente:   Yahoo!

Comente este artigo :

Tags: , , , , ,

Enquete do dia

Você usa Redes Sociais?

View Results

Cargando ... Cargando ...